Domingo, 21 de Julho de 2024 07:06
77981182798
Política PGP de Barreiras

Plano de Governo Participativo (PGP) de Tito e Emerson: Um Projeto de Cidade

Segundo encontro do PGP ocorreu na noite de sexta-feira (5), no espaço Javan.

06/07/2024 14h59 Atualizada há 2 semanas
Por: F. Silva Fonte: Caso de Política
Plano de Governo Participativo (PGP) de Tito e Emerson: Um Projeto de Cidade

O espaço Javan ficou pequeno na noite de sexta-feira (5), para o segundo encontro do Plano de Governo Participativo (PGP), da pré-candidatura a prefeito de Tito (PT) e a vice-prefeito de Emerson (Avante). As centenas de pessoas que estiveram no local, participaram ativamente da construção coletiva de propostas para o PGP, um Projeto de Cidade. O evento, com o tema “Juntos Vamos Fazer Muito Mais”, destacou a importância da participação comunitária.

Representando os agricultores familiares, Norma da Melancia destacou a necessidade de um espaço para a comercialização de produtos vindos da zona rural.

Fernanda Heen, falando em nome da Associação dos Pescadores Artesanais (APA Rio Grande), reforçou a importância do incentivo à pesca artesanal:

“A Prefeitura precisa incentivar a pesca artesanal”, disse, e sugeriu duas propostas para o PGP, que o pescado seja inserido na merenda escolar da rede municipal de ensino e a reabertura da Feira do Peixe de Barreiras.

Projeto de Cidade

Em sua fala, Tito expressou a sua gratidão e o compromisso com a participação popular no desenvolvimento do plano de governo:

“Quero agradecer aos moradores da zona urbana e rural que vieram contribuir com a construção desse plano. Esse é um momento de construção, ouvindo a população, e criando um projeto de cidade com administração transparente, democrática e com participação popular”, disse o pré-candidato.

Tito destacou ainda a importância de um gestor ouvir a população e da falta de parcerias da administração municipal com o Governo Estadual e Federal para solucionar os problemas da cidade.

“Muito se tentou fazer por este município, mas sempre houveram bloqueios partidários e políticos por conta da intransigência de um governo que acha que pode fazer tudo sozinho sem ouvir verdadeiramente aqueles que mais interessam, que é a população. Nós temos a humildade de ampliar a participação popular, ouvindo e respeitando as sugestões democraticamente construídas. Agradeço a todos e informo que divulgaremos em breve as novas reuniões e mobilizações”, finalizou

O pré-candidato a vice-prefeito, Emerson Cardoso enfatizou a importância de ouvir a população:

“É possível fazer mais com menos recursos, ouvindo as pessoas e entendendo suas reais necessidades. Nós temos a capacidade de execução e um projeto de cidade. Toda política só se justifica se for para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Eu e Tito somos determinados em ver gente feliz”, afirmou o pré-candidato a vice-prefeito.

Aula de democracia

O primeiro encontro do PGP ocorreu no Centro de Artes Marciais da Associação da Vila Brasil, no dia 20 de junho, onde diversas sugestões foram recebidas pelos pré-candidatos Tito e Emerson. O objetivo do PGP é proporcionar um espaço para que a população de Barreiras contribua diretamente na construção de um futuro melhor para a cidade, promovendo uma escuta ativa das necessidades reais dos barreirenses.

O próximo encontro do PGP será amplamente divulgado pela coordenação da pré-candidatura a prefeito de Tito (PT) e a vice-prefeito de Emerson (Avante), para que mais uma vez aconteça uma verdadeira participação popular, uma aula de Democracia.

Envie sua proposta para o Plano de Governo Participativo (PGP), da pré-candidatura a prefeito de Tito (PT), e a vice-prefeito de Emerson (Avante) através do site www.fazermuitomais.com. Contribua com ideias e sugestões, Barreiras Pode Mais.

Fonte: ASCOM de Tito.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.