Domingo, 16 de Junho de 2024 06:06
77981182798
Política Política

A timidez do PL-Barreiras à pré-candidatura de Otoniel Teixeira começa a se justificar

Dito isto devido ao fato de que o "Comandante Rangel" já foi muito bem votado como candidato a senador pelo PL da Bahia. Por enquanto, tudo não passa de especulação, mas o desenrolar desses eventos certamente influenciará as próximas eleições na "Capital do Oeste".

07/06/2024 16h24 Atualizada há 1 semana
Por: F. Silva Fonte: Da Redação do 40 Graus
A timidez do PL-Barreiras à pré-candidatura de Otoniel Teixeira começa a se justificar

O cenário político em Barreiras está fervilhando, especialmente com as especulações de bastidores sobre a pré-candidatura de Otoniel Teixeira, do União Brasil, e o papel do Comandante Rangel, do PL nestas eleições municipais de 2024.

Em uma entrevista recente, Otoniel foi questionado sobre a ausência de Rangel na pré-candidatura de Otoniel e a ausência de postagens nas redes sociais do "Comandante" apoiando a pré-candidatura do candidatode Zito. Sua resposta foi bem evasiva e pouco convincente, mas destacou a "Democracia", e alegou que na Democracia todos têm os seus direitos; mas não esclareceu muito a situação, gerando até uma certa "indignação" do entrevistador Marcelo Ferraz, que mostrou as redes sociais de Rangel ao vivo - onde mostrava postagens de Bolsonaro e de Lula, para o bem ou para o mal.

Nos bastidores, há rumores de que o Comandante estaria buscando um maior protagonismo maior na chapa de Otoniel, possivelmente como vice. A estratégia faz sentido: sem destaque na campanha, ele teria pouca influência no caso de um eventual governo. No entanto, a nomeação de um ex-procurador municipal como vice de Otoniel, Túlio Viana, pelo prefeito Zito Barbosa poderia excluir Rangel dessa disputa.

A insensibilidade e inflexibilidade de Zito Barbosa  é histórica alguns momentos passados e adicionam uma camada de incerteza à situação. - Ninguém sabe o que pode sair da cabeça de Zito. Com a exoneração de Túlio, Rangel pode ver as suas chances de ser vice diminuírem ainda mais. Resta saber se ele aceitará um papel secundário, de figurante até, na política de Barreiras, considerando a sua recente história e relevância política  no cenário estadual.

Dito isto devido ao fato de que o "Comandante Rangel" já foi muito bem votado como candidato a senador pelo PL da Bahia, e aqui em Barreiras, é tido como o maior representante do ex-presidente Jair Bolsonaro.

Por enquanto, tudo não passa de especulação, mas o desenrolar desses eventos certamente influenciará as próximas eleições na "Capital do Oeste".

Da Redação do 40 Graus.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.